segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Como você tem andado?

Olá pessoal, como está sendo o feriadão? Aproveitaram bem o Halloween de ontem? Enfim, já temos uma nova e primeira presidente no Brasil. Mas no fundo o título não é para saber como cada um está, mas sim literalmente como têm andado mesmo. Ou seja, a saúde de seus pés.

Ontem fui andando bem longe daqui de casa com chinelos novos e sinceramente, esses trequinhos que prometem massagear os pés e até funcionam bem para andar em casa, são uma praga para quem precisa andar mesmo. Levei meia hora para ir e meia para voltar da zona eleitoral e o resultado é um pé com feridas e bolhas até agora em tão pouco tempo de caminhada na rua... Deveria ter ido de tênis mesmo.

Mas notem que assim como eu, poucos se preocupam com os pés até que eles dão problemas. Interessante que é uma parte do corpo de vital importância por sustentar nosso peso e permitir nossa locomoção. Tanto que quem não pode usá-los sabe da falta que eles fazem, especialmente para um mundo que não se preocupa tanto com quem possui necessidades especiais de locomoção. Um bom exemplo da falta de importância que o pé recebe está na imagem abaixo.

Notem que ao olhar na imagem acima, a primeira coisa que vocês olham com toda a certeza não é o pé da garota. Podem olhar para a bunda, os peitos, as pernas (que é até perto) ou mesmo o usrinho sortudo ali embaixo, mas de fato, a primeira coisa não é o pé, que está justamente em primeiro plano para chamar atenção. Isso representa o valor que a maioria da população dá aos pés.

Os pés tem grande importância que segundo quem aplica massagem nos pés, eles tem pontos que influenciam em todo o corpo, a chamada reflexologia. Não sei de fato até onde isso é cientificamente comprovado, mas muitas pessoas que usam essas massagens se sentem melhores. Ainda há a massagem que é feita com os pés também e suas variantes destinadas ao erotismo.

E falando em erotismo, tem os que possuem fetiche por pés, conhecido como podolatria. É interessante que embora seja algo meio que mundial, eu pessoalmente vejo muito mais imagens relacionadas a este fetiche em animes e mangás que em outras obras. E olha que já li muito livro e HQ adulto, mas a maioria quando trata de fetiche se prende ao sadomasoquismo mesmo. Isso meio que me dá a impressão de que podolatria é algo de oriental, especialmente se lembrar pela fixação que existia na China pelos pés perfeitos a ponto de deformar os pés das mulheres. No Japão existia algo similar mas não chegava a ser tão exagerado quando na China, que deformava e gerava vários problemas de saúde em virtude a agressão sofrida com o tempo.

Existem médicos dedicados a cuidar dos pés na área chamada podologia, que é até recente no país de certo modo e talvez explique porque ainda é meio desconhecido da população em geral. Esses são os melhores indicados para tratar de problemas nos pés, especialmente certas doenças e unhas encravadas, coisa que é boba até se ter ela e ver o problema que dá como não poder usar um ou outro calçado, ou mesmo não aguentar ficar muito tempo em pé. Além disso, quem tem diabetes precisa ter um cuidado redrobado com os pés, pois a doença costuma comprometer os membros inferiores do corpo, a começar pelos pés. Minha avó já falecida sofreu ameaça de ter os pés amputados em decorrência disso.

Então, resumindo, cuidem de seus pés, pois são importantes para vocês, não precisando ser lutadores de kung fu ou qualquer outra arte marcial que use os pés para dar o devido valor a estes membros do corpo. Hoje em dia, especialmente as mulheres, em nome da beleza usam calçados que agridem os pés, as vezes até criando os joanetes e até resultando em dores de coluna. Se a reflexologia for real, ainda acarreta uma série de outros problemas com isso. Então melhor conforto para seus pés do que uns momentos de beleza. E também não agirem como eu e escolherem bem o calçado para a atividade que vai desenvolver. Nada de chinelo com massageadores na sola se forem andar muito na rua...

Pensamento do dia: O esperado nos mantém fortes, firmes e em pé. O inesperado nos torna frágeis e propõe recomeços. Machado de Assis

6 comentários:

Hinanii disse...

Iei!
Post bastante interessante. Quando você disse no Lendas que era algo que poucoas pessoas davam importância, pensei em tudo mas menos no bendito do pé.
Admito que não dou a atenção necessária à eles, mas nunca abuso também. Acredite, já passei por uma situação como a sua, hideki. Andei o Beto Carreiro inteirooo com o pé machucado por causa do calçado. Situação que não pretendo repetir jamais na minha vida. XD

Mei Linwau disse...

hahah, isso me lembra quando me perdi no beach park o.o"
fiquei andando de pés descalços naquele chão terrível e escaldante por uns 40min, quando desisti de procurar ajuda, me sentei e as pessoas me acharam x_X

Naty disse...

Olá!!
concordo com você em relação a imagem, a primeira que se nota nela não é os pés, se bem que eles estão bem pertos...
nem me fale em pé. De tanto ficar com sapato fechado (ja que eu trabalho o fim de semana inteiro) estou com um desconforto bem perto da minha unha. Espero que não seja unha encravada. ~~
eu ja tinha ouvido falar sobre reflexologia, se não me engando, minha vó tinha um livro que falava sobre isso. Que certos pontos dos pés influenciam outras áreas do corpo, assim como outras coisas.
Você falou de um assunto que não é muito comentado. ^^
beijos, até mais

Blacksand disse...

Cara, nada pior para os pés que futebol na areia, chovendo um mundo, onde existem pedras escondidas sob a areia. Resultado: pés MUITO cortados e machucados.

E o lance da reflexologia eu comprovo, visto que minha mãe é terapeuta e já fui "cobaia" disso. É muito bom! *¬*

Anônimo disse...

Prefiro ficar descalço que de chinelos.

Hidekee disse...

@Hinanii:

Imagino como se sentiu Hina ç.ç'

E quase ninguém dá importância aos pés mesmo XD

@Mei Linwau:

Que horror mei! Andar esse tempo todo no chão descalça é uma tristeza ç.ç'

@Naty:

Olha, espero mesmo que não seja unha encravada, isso é um saco >.<

Reflexologia realmente funciona XD

@Blacksand:

Jogar futebol de areia é mesmo sinistro. Já passei por isso e não foi nada agradável, por isso que dispenso. Mas é menos pior que jogar descalço no asfalto huahuahuhaua...

E vc é um felizardo por ter uma mãe que faz massagem nos seus pés XD

@Anônimo:

Depende muito do chinelo também né? =/