quinta-feira, 13 de agosto de 2009

TYPE-MOON

Uma postagem sobre uma companhia de jogos que eu sou fã desde sua primeira visual novel chamada Tsukihime mas que me apaixonei mesmo quando eles lançaram Fate/Stay Night. Desde então sou grande fã da companhia TYPE-MOON que vem a se confundir com os seus fundadores, o escritor Kinoko Nasu e o artista Takashi Takeuchi, onde muitos falam que um anime ou jogo é "obra de TYPE-MOON". Para mim já é o suficiente para despertar o mínimo de interesse pela obra.
Interessante que a primeira obra mesmo deles foi o romance (novel) Kara no Kyoukai em 1998, que só recentemente ganhou a série de filmes. Mas eles ganharam destaque ao produzir o jogo estilo visual novel, onde o jogador vai interagindo nos rumos da história mas não é como um jogo de aventura, quase um livro interativo na verdade. Esse jogo era para o público adulto, um h-game, e ganhou detaque não necessáriamente pelas cenas hentais, mas sim pela sua história, bem atraente. O jogo era Tsukihime. Vampiros, poderes variados, seres sobrenaturais, magos e exorcistas poderosos. Tudo isso misturado em com cenas de sexo como um bônus, claroq ue faria sucesso. Depois de um tempo Tsukihime ganhou expansão para o jogo de luta chamado Melty Blood. Por fim veio a adaptação para anime, fazendo um grande sucesso, embora fosse com um ritmo um tanto lento, tinha ótimo enredo e Arcueid era uma ótima personagem e é até hoje lembrada.

Após Tsukihime veio o jogo que alicerçou definitivamente a qualidade de produção da produtora: Fate/Stay Night. Fate tem um mundo extremamente fértil, onde já vi várias pessoas fazendo rpgs e imaginando situações dentro do universo rico que TYPE-MOON criou. A simples ideia de ter magos poderosos aliados a servos que seriam personalidades lendárias lutando pelo acesso ao Santo Graal já seduzia. Mas além da ideia básica, haviam personagens MUITO carismáticos. Todos sabemos que por mais que uma obra seja bem feita, se não houver personagens carismáticos seu sucesso nunca será alcançado. Fate esbanjava e ainda esbanja personagens carismáticos. Isso serviu como base para TYPE-MOON ter seu sucesso como uma grande companhia, já posteriormente foi adaptado par anime, que mesmo com críticas a não aproveitar tão bem certos personagens e escolher a primeira rota como base, o anime fez grande sucesso. Havia uma ótima trilha sonora, bons dubladores e um certo segredo até metade do anime, que era a identidade da Saber. Lembro que quando acompanhava semanalmente o anime, nas listas de discussão e fóruns usavam até a base da armadura dela para saber qual personagem histórica ela seria.

Após Fate fiquei no aguardo por novos animes e foi quando me surpreenderam com a novel que até cheguei a me interessar mas a preguiça de ler tradução em inglês falava maior que o interesse. Kara no Kyoukai, uma novel que foi a primeira obra de TYPE-MOON na verdade, estaria sendo produzida em uma série de 7 filmes. Eu inicialmente apenas me interessei de curioso, pois mesmo gostando de Tsukihime, não era grande fã como sou de Fate. Sabia que o mundo de Kara no Kyoukai seria no mesmo mundo de Tsukihime. Mas depois que vi o primeiro filme, simplesmente me apaixonei pela série, especialmente pela protagonista Shiki. Ela não é nada MOE, mas é uma personagem cativante e atraente, sem deixar de ser perigosa, que de certo modo deixa-a com mais charme ainda. Além da ótima trilha sonora, com Kalafina responsável pelas maravilhosas músicas, a animação estava formidável e havia aquilo que sempre criticaram faltar nos animes de TYPE-MOON: ação. Mesmo não sendo ação do início ao fim, as cenas de ação são de tirar o fôlego de muita gente. Interessante que há personagens com ligações claras com Tsukihime, como Aozaki Touko que é irmã de Aozaki Aoko, mas também há uns que me parecem vindos de Fate. Tudo bem que há similaridade entre os personagens pelo traço mesmo, como Azaka criança ser a cara da Rin criança.
TYPE-MOON chegou a produzir um jogo para Wii chamado 428: Fūsasareta Shibuya de. Seria inovador para a companhia por ser um jogo com cenas de seres humanos mesmo, fotografados e colocados no jogo. Haviam rotas distintas com cada personagem que deveria ser fechado um problema de um atentado terrorista. Isso rendeu o anime que atualmente estou acompanhando e adorando: Canaan. Aqui TYPE-MOON exorcisou definitivamente a fama de ter apenas animes parados, pois desde a abertura tem ação. Mesmo os episódios mais "bobos" que sempre tem após um arco ou mini-arco, há cena de ação e de determinada importância para o enredo, assim não tendo episódio desnecessário. Como já atingi a metade do anime creio que não haverá nenhum episódio desnecessário e estou bem animado mesmo para saber o desfecho do anime.

E atualmente estou na espectativa do novo filme de Fate já anunciado. Será de Fate/Stay Night mesmo, mas na rota Unlimited Blade Works, que é a rota em que o Archer é o herói basicamente. Espero que depois dessa façam outro filme com a rota Heaven's Feel também. Mas o que mais anseio, mas tenho noção de que deve demorar, é pela adaptação de Fate/Zero. Ver a Irisviel animada seria demais *-*~

Sorte do dia by orkut: A imaginação é mais importante do que o conhecimento

3 comentários:

Naty disse...

Olá!1
sim, aquele chapéu de papel higiênico seria muito util, só que eu não havia pensando em dias de chuvas!! xD
pelo visto voce gosta mesmo da type moon né?
eu só conheço Tsukihime e Fate e olhe que eu não gostei muito de Tsukihime. Pretendo ainda assistir a esse Canaan, que parece ser muito interessante!!
bom, vou indo agora
bye bye

Hidekee disse...

Tsukihime é meio letinho mesmo. Fate é ótimo, mas acho que foi mal aproveitado. Já Canaan está maravilhoso! Veja sim e depois pegue os filmes Kara no Kyoukai ^^v

Anônimo disse...

Virtual memory is something that I seemingly will never have enough of. It feels like megabytes and gigabytes have become an inseparable part of my day to day existence. Ever since I bought a Micro SD Card for my NDS flash card, I've been on permanent watch like a prison guard for large memory at low prices. It's driving me crazy.

(Submitted using Nintendo DS running [url=http://knol.google.com/k/anonymous/-/9v7ff0hnkzef/1]R4i SDHC[/url] KwZa)